EDUCAÇÃO EM DESTAQUE

Postado em March 10, 2008  • 

WILSON MASCARENHAS LINS DE ALBUQUERQUE

SECRETÁRIO DA EDUCAÇÃO

1959 A 1962

 

 

 

 

Nasceu em 25 de abril de 1919, Natural de Pilão Arcado-Ba. Escritor, Jornalista, Cursou o Secundário no Ginásio Carneiro Ribeiro e Colégio Ipiranga, Salvador-BA.Redator - chefe e diretor do jornal da família O Imparcial; trabalhou no Diário de Notícias, Diário da Bahia e A Tarde; colaborador do Jornal da Bahia. No Rio de Janeiro, redator político e cronista do jornal O Mundo, 1948 e 1950, com uma crônica diária Pedra no Caminho; repórter da sucursal do jornal O Estado de São Paulo. De volta à Bahia, editou o semanário Amigo do Povo. Romancista, novelista, cronista e ensaísta, tinha como tema constante em suas obras o regionalismo, principalmente a região do São Francisco. Em 1967, eleito para a Academia de Letras da Bahia, ocupando a cadeira nº 38. Secretário de Educação e Cultura, 1959-1962; presidente do Conselho Estadual de Cultura, 1983. Eleito deputado estadual pelo Partido Republicano - PR, 1951-1955, reeleito, PR, 1955-1959 e 1959-1963, reeleito pela União Democrática Nacional - UDN, 1963-1967 e pela Aliança Renovadora Nacional - ARENA, 1967-1971. Presidente das Comissões: Negócios Municipais (1956), Redação de Leis e Resoluções (1956, 1958), Redação, Revisão Legislativa e Leis Complementares (1967); titular das Comissões: Negócios Municipais (maio 1952-1955, 1957), Redação de Leis e Resoluções (1952-1955, 1957, 1963-1965), Agricultura (1954), Serviços Públicos (1954), Educação e Cultura (1963-jun.1964), Orçamento e Fiscalização Financeira (1965), Economia e Finanças (1966), Redação, Revisão Legislativa e Leis Complementares (1966-1968); suplente das Comissões: Educação, Cultura e Arte (1952), Saúde e Assistência Social (1952), Agricultura (1953), Serviço Público (1953), Finanças, Orçamento e Contas (1957), Negócios Municipais (1957), Constituição e Justiça (1963), Economia e Transportes (1964-1965), Serviços Públicos (1967, maio 1968-dez.1968). Em 17 de agosto de 1959, fundou as Classes Especializadas em Educação para deficientes auditivos Wilson Lins, hoje Escola Wilson Lins. Escreveu livros como: “Zaratustra Me Contou”, “Ensaios para Nietzsche”, “A infância e o Mundo”, “Tempos Escatológicos”, “O Médio São Francisco” e outros.

Autor: Fernando Paixão

 Fonte:D.O.E./Arquivo SEC/CMIC

VOLTAR    |