EDUCAÇÃO EM DESTAQUE

Postado em March 10, 2008  • 

ABÍLIO CESAR BORGES

DIRETOR GERAL DOS ESTUDOS

28/2/1856 A 28/07/1857

 

 

 

 

Nasceu em 1824, na cidade de Rio de Contas - Ba, na casa que hoje abriga o Arquivo Público. Formou-se em medicina e tornou-se respeitado pelos seus estudos científicos, históricos e literários. Em 1856, sob a administração de João Lins Viana Cansanção, Visconde de Simimbau, o baiano Abílio troca a carreira de médico pela de professor, assumindo o cargo de Diretor-Geral de Estudo da Bahia. O Barão de Macaúbas tornou-se um ícone na educação da Bahia e do Brasil, empenhou-se em vasta obra educacional. No mesmo ano, funda o Ginásio Baiano. Para a época, o Dr. Abílio tinha idéias avançadas, no seu ginásio os alunos estudavam várias matérias ao mesmo tempo e eram incentivados a participar de torneios literários. Fundou também o Colégio Instituto Abílio, no Rio de Janeiro. Permaneceu no cargo ate agosto de 1857. A sua forma rígida de dirigir foi retratada por Raul D`Avila Pompéia em seu romance O ATENEU publicado, em 1888. O autor teria sido aluno interno do Colégio de Abílio, entre 1873 e 1879. A maneira como o professor é apresentado, nesse livro, é considerada por alguns estudiosos como exagerada e até injusta.
Até 1868, a aprendizagem de leitura se iniciava com os abecedários manuscritos, papeis de cartórios e toscas cartilhas, com o lançamento em série de livros para leitura denominados primeiro, segundo e terceiro livros de leitura. Essa metodologia era conhecida como métodos de Abílio, e ajuda a alavancar a pedagogia no Brasil. Faleceu em 1891.


Autor: Fernando Paixão

 Fonte:D.O.E./Arquivo SEC/CMIC

VOLTAR    |